O que querem dizer as hashtags do Facebook para os marketeiros? A resposta a princípio: Nada, ainda. Isto porque elas ainda estão sendo disponibilizadas para alguns usuários aos poucos.

Assim que estiverem disponíveis para todos, existirão implicações substanciais para profissionais do marketing e para as marcas. Por enquanto, é mais uma questão de experiência do usuário. Usuários podem agora pesquisar no Facebook mais facilmente combinados com a busca gráfica, o Facebook está fazendo avanços aqui e, obviamente, esta ação faz a descoberta por conteúdo ficar muito mais fácil.

Daqui a alguns meses, quando mais (ou todos) usuários puderem utilizar as hashtags no Facebook, qual será o ponto de atração para os profissionais do marketing? Aqui estão algumas ideias que vieram a mente:

Vai ser mais fácil de “acompanhar” conversações no Facebook. 

Você sabe aquelas hashtags de campanhas que as marcas usam no Twitter? Aquelas que eles listaram nos anúncios do Super Bowl este ano? Bom, elas na verdade serão muito úteis no Facebook uma vez que as hashtags forem completamente implantadas. Obviamente, o volume não será tão grande no Facebook para a maioria das marcas (existem muito mais tweets do que atualizações de status), mas isto deve ajudar às marcas rastrearem as conversas em torno de suas campanhas ao longo do caminho, especialmente aquelas sem acesso a ferramentas de monitoramento pagas.

Seu potencial de conversação no Twitter acabou de se expandir.

Marcas que patrocinam ou organizam conversas no Twitter poderão abrir uma nova porta para o Facebook novamente, uma comunidade indiscutivelmente maior e com maior engajamento. Claro, marcas podem fazer isso com ferramentas como Shoutlet, mas muitas marcas não tem acesso a ferramentas pagas como esta. Com as hashtags, marcas que participam ou organizam conversas no Twitter poderão ter as mesmas conversas no Facebook. Obviamente, coordenar as conversas pode ser difícil, mas estou certo que alguém vai desenvolver uma ferramenta para suprir esta necessidade.

Você poderá pagar para aparecer eventualmente.

Trending topics de hashtags provavelmente aparecerão logo. Eles ainda não estão lá, obviamente, mas estou certo que isso vai acontecer. Os trending topics no Twitter são muito populares e é uma outra grande maneira para o Facebook melhorar as procuras e descobertas por conteúdo. E ainda, você provavelmente vai poder pagar para ser incluído (como no Twitter). Em todas as formas possíveis de fazer dinheiro, eles provavelmente farão.

Uma vez que liberarem o uso nos dipositivos móveis, as possibilidades irão se expandir.

Uma coisa curiosa: O Facebook não liberou o uso de hashtags em dispositivos móveis no lançamento. É engraçado pois como nós sabemos, o uso de celulares para acessar a internet está explodindo.

Capturar conversas em tempo real, em grande parte, significa capturar conversas acontecendo não só na frente da TV. Isto é provavelmente o que busca o Facebook neste momento. Estas conversas móveis são a chave para marcas: consumidores em eventos, consumidores perto de suas lojas comprando. Com as hashtags, será mais fácil de rastrear e responder a elas (novamente, quando os usuários recebem as hashtags, eles as usam, o que é uma grande coisa).

O que você acha? Quais serão as maiores aplicações das hashtags no marketing no Facebook?

Este texto foi retirado e traduzido do site Entrepreneur.com
Link para o artigo original